Sexta-feira, 30 de Novembro de 2007

Os Galaicos

 História  resumida dos
Galaicos


 


Os Galaicos (também calaicos, callaeci - em latim - e kallaikoi - em grego) eram um conjunto de tribos celtas que habitavam o noroeste da Península Ibérica, correspondendo hoje em dia ao espaço geográfico que engloba o norte de Portugal, a Galiza, as Astúrias e parte de Leão. Hoje em dia são a base etnológica principal destas regiões.

Travaram grandes batalhas com os romanos durante longos anos e foram subjugados politica e militarmente por estes, comandados por Decimus Junus Brutus, que pela proeza de os derrotar, tomou o cognome de "o Galaico". A designação da tribo vem da batalha entre galaicos e romanos que ocorreu na cidade de Cale (que algúns historiadores situam no que hoje é Gaia e outros no que hoje é Porto) e celebra a forte resitência dada por este povo aos romanos que, ao reconhecerem a sua valentia, estendem a designação às restantes tribos do noroeste peninsular. Foi então criada a divisão administrativa da Gallaecia, tendo como limites o Douro - a sul; o Atlântico - a oeste e a norte; e a Tarraconensis. A Gallaecia (Galécia) estava dividida em três conventos: a Galécia Lucense, a Galécia Bracarense e a Galécia Asturicense. A sua capital era Braga. A divisão correspondia à divisão feita às tribos que a compunham: os Ártabros, a norte; os Gróvios, a sul; e os Astures a oeste.

Uma antiga referência aos Galaicos pode ser encontrada no épico "Punica", de Silius Itallicus, no séc. I.

Fibrarum et pennae divinarumque sagacem
flammarum misit dives Callaecia pubem,
barbara nunc patriis ululantem carmina linguis,
nunc pedis alterno percussa verbere terra,
ad numerum resonas gaudentem plauder caetras. (book III.344-7)
"A rica Galécia envia os seus jovens, sábios na leitura das entranhas das bestas - que entoam agora cânticos na sua língua nativa, enquanto pousam os pés ao ritmo das suas danças, fazendo o chão ranger, acompanhados do som das suas gaitas-de-fole."

No século V chegam os Suevos, os Vândalos e os Alanos. Os primeiros formam o Reino Suevo da Gallaecia, mantendo a capital em Braga. Este foi o primeiro reino medieval europeu, após a queda do Império Romano do Ocidente. Este reino durou cerca de duzentos anos, até à chegada dos Visigodos que, aproveitando-se das lutas de sucessão ao trono dos primeiros, tomam o reino, dando, no entanto, autonomia aos Suevos. Adoptam o romance falado na época, em detrimento da língua germânica. Os nomes dos habitantes mantêm-se na sua língua e hoje em dia ainda grande parte dos nomes no meio rural são de origem germânica. A influência dos germanos é também evidente na toponímia.

O território da Gallaecia foi tomado pelos muçulmanos, em cerca de 750 e passados cinquenta anos, a maior parte do território estava já reconquistado. Após tomadas e perdas sucessivas de cidades, o Porto é definitivamente conquistado em 850, por Vímara Peres. Com a fundação do condado Portucalense, houve uma cisão no Reino da Galiza. A sua parte norte (Galiza Lucense) mantém-se independente, enquanto que a sua parte sul (Galiza Bracarense) inicia uma expansão a sul. Mais tarde, a Galiza Lucense é incorporada no Reino de Leão e posteriormente no Reino de Leão e Castela, após união das duas coroas.

Hoje em dia, os habitantes destas regiões são denominados galegos, com excepção dos asturianos e dos leoneses.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

 

Península Ibérica editou às 16:07
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Leva-me contigo



Mapas da Península


01.gif

02.gif

03.gif

04.gif

05.gif

06.gif

07.gif

08.gif

09.gif

NÃO mate o português


Pesquisar neste blog

 

Artigos recentes

Os Galaicos

Arquivos

Novembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Novembro 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Nossos grupos


Olivença é Portuguesa (msn)
Por Olivença (Orkut)
Por Olivença (Gazzag)
Viver Livremente (Yahoo)
Liberdade Cristã (Yahoo)
Liberdade Cristã (Gazzag)
Liberdade Cristã (Orkut)

Nossos sites


Nossos sites & Blogs
Miguel & Sylvia
Homepage de Miguel Roque
Orgulho de ser Alentejano
Liberdade cristã

Nossos blogues


Tuga & Zuca
Filhos & Netos
Caminho de Fé
Busca primeiro o Reino
Liberdade Cristã (blog)
Viver Livremente
Alentejo Abandonado
Meu Alentejo amado
Sonho Alentejano
Povo Lusitano
Amizade, Portuga-Galiza
Aqui fala-se português
Península Ibérica
Península Ibérica-ZipNet
Republica, sim…
Independência em perigo
EU, acredito em Portugal
Portugal Ressuscitado
A Bandeira Vermelha
Bandiera Rossa
A voz do proletário
Olivença é Portuguesa
Jornal de Olivença
No meio do inimigo
Sylvinha em Portugal
Sub-blog do tapete
Vira útil
Chiquinha e nós

Nossos amigos


Beja
Baixo Alentejo
Poeticus
Um bolíndri na tarrafa
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags